Ciro bate-boca com apoiadores de Bolsonaro

Pré-candidato à Presidência usou palavrões e chegou a xingar um homem de "nazista" durante visita à feira agrícola

Via CNN


Durante uma visita à Agrishow, maior feira do agronegócio da América Latina, em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, na tarde desta quinta-feira (28), o pré-candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, discutiu e ofendeu apoiadores do presidente Jair Bolsonaro (PL).


Usuários do Twitter postaram vídeos onde Ciro aparece respondendo ao público que gritava “mito”, uma alusão ao presidente, com xingamentos.


“Bolsonaro é ladrão mesmo, ladrão da rachadinha. Eu nunca roubei nada, nem tua mãe, ô vagabundo”, respondeu Ciro a um homem que gritava o nome de Bolsonaro.

Em um vídeo postado pelo deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) em sua conta no Twitter, Ciro aparece respondendo a outro homem com ofensas e palavrões.


“Mito? Roubou sua mãe ou comeu ela [sic]?”, disse o pré-candidato do PDT, o que provocou ainda mais gritos de apoio a Bolsonaro em torno de Ciro, que continuou o bate-boca.


“Sem educação, babaca! Vai tomar no seu **, filho da ***”, declarou Ciro.


“Coisa linda […]. O melhor do Nordeste”, gritou um apoiador do presidente, ao que Ciro respondeu com xingamentos de “nazista, ladrão”.


Pelo Twitter, o pré-candidato à Presidência declarou que Ciro “foi insultado e sofreu tentativas de agressão física por militantes bolsonaristas”.


“Os agressores agiram com violência e com profundo preconceito contra nordestinos, atacando com forte conotação racista a sua origem cearense. Ciro reagiu à altura e lamenta ter sido forçado a agir com veemência. Mas entende que esse tipo de comportamento fascista deve ser enfrentado, ou as milícias bolsonaristas se sentirão no direito de atacar a todos, inclusive a quem não consiga se defender”, declarou o perfil do candidato.

0 visualização0 comentário