Deputada aciona TCE para investigar os R$ 7 mi gastos pela Pref. de Queimados na compra de tablets

Em 15 dias, é a segunda vez que deputada visita a Corte de Contas para acompanhar suas denúncias


A deputada estadual Alana Passos (PTB) está acompanhando de perto o andamento das denúncias que fez ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ). Com duas visitas à Corte de Contas em 15 dias, a parlamentar afirmou que quer se aproximar da fiscalização de recursos públicos e aproveitou para pedir rapidez na investigação da representação que fez contra a Prefeitura de Queimados, que gastou R$ 7,3 milhões em seis mil tablets.


Nesta quarta-feira (04), Alana se reuniu com o conselheiro-substituto Marcelo Verdini Maia. Já no último dia 19 de abril, a deputada esteve com o conselheiro-presidente, Rodrigo Melo do Nascimento.


"Quero entender como são feitas as investigações. Eu e minha equipe recebemos inúmeras denúncias todos os dias. Queremos aprender como proceder, como substanciar esses indícios para colaborar com o controle feito pela Corte. A sociedade merece respostas, transparência e bons serviços", disse Alana.

No início do ano, a deputada apresentou denúncia sobre a Prefeitura de Queimados ter comprado os tablets em um processo de compra sem licitação, baseado numa tomada de preços feita pela cidade de Pouso Alegre, no sul de Minas Gerais.

4 visualizações0 comentário