Deputadas cobram ações para melhorias nas unidades do Degase

Atualizado: 3 de abr.

Elas também questionaram sobre a implementação de câmeras individuais no uniforme dos agentes socioeducativos

Alana Passos e Rosane Félix no Degase - Foto: Divulgação

Via Jorge Luiz Online


Deputadas da Comissão dos Assuntos da Criança, do Adolescente e do Idoso da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) realizaram visita ao Departamento Geral de Ações Socioeducativas (Degase) para verificar o funcionamento das atividades e analisar o andamento das medidas impostas pela justiça estadual visando à proteção e garantias dos direitos dos adolescentes que estão internados em cumprimento de medidas judiciais.


As deputadas Rosane Felix (PSD), presidente da Comissão, e Alana Passos (PSL), ouviram internos, conversaram com o diretor-geral do Degase, Victor Hugo Poubel, e a corregedora do órgão, Barbara Schelble, nesta quinta-feira (03/02).


Rosane Felix detalhou para a direção o seu projeto de lei 5122/2021, que obriga o Degase a divulgar o plano político-pedagógico das unidades sócio-educativas para os órgãos de acompanhamento.


Na conversa com os representantes do Degase, as deputadas também questionaram sobre a implementação de câmeras individuais no uniforme dos agentes socioeducativos, as diretrizes e projetos pedagógicos em implementação pela atual gestão; além de abordarem o afastamento de um dos diretores de unidade e mais 24 agentes, pedido que foi feito pelo Ministério Público.


“Como parlamentar e presidente da Comissão da Criança, do Adolescente e do Idoso tenho exercido o meu papel fiscalizatório e lutado em prol de políticas públicas para que órgãos como o Degase possam realmente funcionar como um sistema de ressocialização”, disse Rosane Felix.

0 visualização0 comentário