Casimiro de Abreu é a Capital Estadual do Cavalo

A Lei 9638/22 é de autoria do deputado estadual Jair Bittencourt (PL)

Foto: Octacilio Barbosa/

O município de Casimiro de Abreu, região dos lagos fluminense, agora é, oficialmente, a ¨Capital Estadual do Cavalo¨. É o que dispõe a Lei 9638/22, de autoria do deputado estadual Jair Bittencourt (PL), sancionada pelo governador Cláudio Castro e publicada no Diário Oficial de sexta-feira (8/04). Durante a pandemia, Casimiro de Abreu foi o segundo município do país e o primeiro do Estado do Rio de Janeiro que mais realizou eventos equestres oficiais, reunindo criadores de diversas regiões do país, fomentando o turismo e gerando emprego e renda que dinamizaram a economia local.


¨Ao ser reconhecida como a Capital Estadual do Cavalo, Casimiro de Abreu ganha a chancela para continuar organizando novos eventos equestres, atraindo cada vez mais turistas e fomentando toda a cadeia de serviços necessária para que a cidade possa recebê-los da melhor maneira possível, o que é essencial nesse momento de retomada econômica¨, ressaltou o vice-presidente da Alerj, deputado Jair Bittencourt.

Entre os eventos equestres realizados na cidade, durante a pandemia, cinco foram da raça quarto de milha, três da raça mangalarga marchador e dois da raça campolina, sendo que, entre eles, alguns tiveram alcance nacional, como os da raça campolina. A estimativa é que o município tenha recebido 4 mil equinos, mais de 1500 expositores e 5 mil profissionais afins envolvidos com esses animais direta e indiretamente.

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo