Morre menino que perdeu família em temporal

Criança de 12 anos teve morte encefálica após vários dias internado e intubado no hospital, em estado gravíssimo; família dele era de Paraty

Foto: Reprodução/TV Rio Sul

Via Metrópoles


Dorqueu Campos dos Santos, de 12 anos, teve morte encefálica confirmada às 12h17 desta sexta-feira (15/4), segundo nota da Prefeitura de Duque de Caxias, através da Secretaria Municipal de Saúde.


Ele perdeu a mãe e os seis irmãos após um deslizamento de terra no último dia 2 de abril, em Ponta Negra, comunidade em Paraty, no litoral sul do Rio de Janeiro.


O menino era o único sobrevivente da família. Ele estava internado em estado gravíssimo, respirando com a ajuda de aparelhos, no CTI do Hospital Adão Pereira Nunes, em Duque de Caxias, onde chegou de helicóptero um dia após o deslizamento.

Além de Dorqueu, morreram a mãe dele, Lucimar de Jesus Campos, e os seis irmãos: Lucimara, 17 anos; Luciano, 15; Jadmin, 10; Yasmin, 8; Estevão, 5; João, 2.


Na nota, a Prefeitura de Duque de Caxias disse que lamenta profundamente e se solidariza junto aos amigos e familiares do jovem que lutou bravamente pela vida.


0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo