Região norte fluminense poderá ter hospital de referência para tratamento de câncer

O texto, de autoria da deputada Martha Rocha, segue para o governador Cláudio Castro, que tem até 15 dias úteis para sancioná-lo ou vetá-lo.


Foto: Octacílio Barbosa

Gustavo Natario e Leon Luciusia (Alerj)


A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou, em segunda discussão, nesta terça-feira (14/06), o Projeto de Lei 3.181/20, da deputada Martha Rocha (PDT), que autoriza o Governo do Estado a implantar o Hospital Estadual de Referência para o Tratamento de Câncer na Região Norte Fluminense. O texto segue para o governador Cláudio Castro, que tem até 15 dias úteis para sancioná-lo ou vetá-lo.


O hospital deverá ser instalado no município com maior densidade demográfica, e as despesas serão custeadas com a receita obtida pelo estado. O governo poderá firmar convênios com prefeituras e com o Governo Federal.


“Um Hospital Estadual de Referência para o tratamento de Câncer na Região Norte Fluminense auxiliará a população que terá um melhor tratamento, além de reduzir o desgaste do paciente com câncer, que precisa se deslocar à capital do Rio para a realização do tratamento”, justificou a autora.
4 visualizações0 comentário