Alana Passos desiste do PTB e embarca no União Brasil

Atualizado: 14 de abr.

No fim da janela partidária, a deputada bolsonarista atendeu aos convites da Clarissa Garotinho.


Depois de chegar a assinar filiação com o PTB, a deputada estadual Alana Passos deu meia-volta e decidiu ficar onde estava, ou seja, no União Brasil - fruto da fusão do PSL com o DEM. Em ato simbólico na manhã desta sexta-feira (1°), a parlamentar foi recebida pela também fiel bolsonarista Clarissa Garotinho, para selar a permanência na legenda.


"A deputada Alana tem exercido um grande mandato, é atuante, combativa e tem o perfil do União. Há muito tempo estava tentando convencê-la a ficar no partido", disse Clarissa".

Alana Passos assinou ficha de entrada no PTB no último dia 14, mas, como o partido ainda não tinha efetivado sua inscrição no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ela pediu o cancelamento da filiação.


"Agradeço a acolhida no PTB e ao presidente Roberto Jefferson. Mas entendi que, no Rio de Janeiro, o União Brasil é Jair Bolsonaro. O partido também garantiu que vou ter independência e autonomia para sempre caminhar ao lado do meu presidente e, claro, continuar meu trabalho de fiscalização doa a quem doer", afirmou Alana.

Além de Clarissa, estavam presentes o presidente da legenda, Waguinho, e o deputado federal Otávio Leite, que é ligado ao setor turístico como Alana - que e a atual presidente da Comissão de Turismo da Alerj.


Em 2018, apresentada como a 01 de Bolsonaro, Alana Passos foi a mulher mais votada no legislativo fluminense, com mais de 106 mil votos.

28 visualizações0 comentário