Polícia prende 'golpista do Tinder' em Paraíba do Sul

De acordo com investigações, o bandido possui mais de 30 anotações criminais por fraudes

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Via Jornal O Dia


Policiais civis da 107ª DP (Paraíba do Sul) prenderam em flagrante, nesta quinta-feira (7), um homem de 22 anos, que não teve o nome divulgado, suspeito de tentar aplicar o "golpe do Tinder" em uma mulher. Ele foi localizado em frente à casa da vítima, no município de Paraíba do Sul, no Sul Fluminense.


De acordo com os agentes, os dois se conheceram por meio de um aplicativo de relacionamento. Na ocasião, ele dizia ter uma vida financeira boa. Com o passar dos dias, o criminoso foi ganhando a confiança da vítima e se ofereceu a ir ao município de Paraíba do Sul para encontrá-la.


Segundo investigações, durante um passeio, o criminoso alegou precisar fazer uma transação bancária. Ele afirmou que tinha mais de R$ 100 mil na conta, porém o valor estaria momentaneamente bloqueado. Foi então que solicitou à vítima a transferência de R$ 1.500, exatamente o valor que ela tinha na conta. Ainda segundo a polícia, o rapaz teria conseguido acessar os dados bancários dela através do celular.


Depois de saber o valor que o estelionatário queria, a vítima desconfiou do rapaz e acionou a Polícia Civil. Após cruzamento de dados, os agentes identificaram o homem como um golpista conhecido no estado do Mato Grosso. Além disso, os policiais descobriram que a maioria dos golpes que ele aplicava eram feitos na internet. Em março do ano passado, inslucive, ele já havia sido preso pelo mesmo crime em Copacabana, na Zona Sul da cidade.


Já na delegacia, os agentes conseguiram descobrir que o bandido era investigado por aplicar golpes do falso aluguel de carros - para motoristas de aplicativo - e de contrato de locação de imóveis. A transação era realizada por meio de página virtual de anúncios. Após receber o "caução" pelo aluguel, ele desaparecia. Ao todo ele possui mais de 30 anotações criminais por fraudes.


A Polícia Civil não estimou quantas pessoas foram lesadas, nem qual foi a quantia em dinheiro que o golpista arrecadou.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo